O Preto da preta

Andando de bicicleta de novo. Não tenho aquele deslumbre adolescente de paixão, de olhar e achar que é o amor da minha vida… Talvez por ser mais amigo que amor no momento… Por ser meu elixir de cura.

O preto. Que tem muitos defeitos mas me faz rir como ninguém. Muito cedo pra falar de lágrimas, muito cedo pra falar de sexo. Mas é aquele tipão… Sorriso enorme, aberto, lindo,  alto, bonito de viver, cheiroso, da vontade de puxar em um canto e dar uns agarros… Mas sou sempre eu que parto pro ataque, quero ação também. Músico… Mas toca o que eu gosto, me arrasta pra tudo, acho que gosta de mim.

Me disse que me queria pra ele, eu disse não sou nem minha, preciso me conhecer, preciso do meu tempo, e ele esta ansioso mas esperando. E as vezes eu fico meio que encantada com ele, as vezes acho ele um idiota, e parece que nos conhecemos a muito tempo… Bom eu mais que ele.

Talvez seja só uma fase, talvez dure uma eternidade… Vai ser o que tiver que ser no timing perfeito da vida. Pretinho da pretinha.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s