Se

Nas gangorras existenciais da vida eu estou. Hoje não sei se por culpa dos hormônios… Não sei se por raiva pessoal, apenas triste.

Não sei ser solteira. Não sei. Preciso aprender. Ontem fui dormir chorando… E não sei se é saudades do infeliz, ou se é tristeza de me sentir dispensável.

Com a áurea menos brilhante que o normal e focando lá longe onde não posso ver. Seria sorte demais encontrar uma alma digna logo de cara… Iludida, iludida por mim mesma cabecinha.

Não acho que sou do tipo mulher fatal, corram atrás de mim, me amem. Não atraio, boazinha demais, menina demais, fofa demais. Cansada demais, difícil demais.

Mas não da pra se rebaixar não é?  Me sinto em uma sinuca de bico. Não vou pedir nada… Estava ate me convencendo, mas só dá pra dar valor a quem te retribui o valor que você da. Cada vez difícil aprender a me amar.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s