Carnaval. Primeiro carnaval solteira maior de idade. Fui baladar hahahaha.
Um monte de gente estranha, bêbada, vazia, afim de beijar loucamente… Transar loucamente. Enfim ritual de acasalamento total.

Fiquei meio perdida, meio deslocada, não fiz nada, nem sabia como fazer. Paquerar, beijar, flertar. Nunca aprendi a fazer isso, não é confortável pra mim. Tenho vontade de saber como é, mas não tenho vontade com as pessoas que aparecem. Fico me perguntando se vou ter algum dia.

Depois eu volto pra casa e lembro que estou na folia esse ano porque desistiram. Porque foi mais fácil… Na minha cabeça essa é a única desculpa.

Mas esse é o processo não é? Aos poucos e um dia eu me vejo como solteira. E aceito minha solteirice, aprendo a me comportar como uma e gostar disso. Aprendo a me sentir bem comigo, sem ninguém.

Parte dos meus bloqueios são da figura que eu criei pra agradar meu ex. Reprimida. Não sei o que fazer pra sair da casca que eu mesma criei. Tentando… Tentando. Um dia eu me redescubro reencontro.

Seguindo na trip

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s